Opinião

As torres de Luciano estão no tabuleiro

4 de junho de 2020 às 19h48 Por Heron Cid

O jogo de 2020 há muito começou. A pandemia apenas suspendeu as atenções; da política e dos espectadores.

E nesse período as pedras continuam se movimentando. Lenta e silenciosamente. O que não significa estrategicamente menos.

O fim do prazo da desincompatibilização confirmou o que já se tinha na prévia: Diego Tavares (Ação Social), Socorro Gadelha (Habitação) e Daniella Bandeira (Planejamento) se afastaram dos cargos.

No paralelo, Edilma Ferreira (Educação) é uma peça guardada para alguma eventualidade excepcional.

Todos estão aptos à rodada que se avizinha.

A julgar pelos últimos dois meses de pandemia, Tavares deu passos à frente. A própria natureza de sua pasta confluiu para isso.

O desenvolvimento social foi naturalmente requisitado para dar conta das demandas emergenciais nas comunidades mais vulneráveis. Isso confere penetração popular e legado administrativo.

Diego tem duas competentes concorrentes no páreo. Uma que tem digital no maior programa de habitação da história de João Pessoa, Socorro Gadelha, com sangue no olho e trabalhando para ser indicada, e outra que conhece a gestão na sua inteireza, Daniella Bandeira.

As torres de Luciano Cartaxo estão no tabuleiro. Enxadrista, o prefeito segurou o jogo até aqui. Com elas agora posicionadas, vai esperar o melhor momento para mexer.

E o instante turvo e enlutado de mortes não recomenda precipitações. A antecipação neste momento só interessa a quem esteja insensível e ansioso por votos e urnas.

Tudo o que a população não está nem aí agora. Jogador com senso de oportunidade, Cartaxo deve administrar essa vantagem no jogo. E deixar que adversários errem primeiro.

Vídeo

Heron Cid no Hora H: “O mérito de Bolsonaro”


Amém

Dona Candinha sobre a escolha, enfim, depois de muita polêmica, do novo ministro da Educação. E é pastor:

"Aleluia!"
PONTO DE INTERROGAÇÃO
E se não for Tovar e nem Bruno em Campina Grande, pelo bloco de Romero?
NÚMERO

R$ 3,5 bilhões 

Valor disponibilizado pelo Banco do Nordeste para agricultura familiar para o Plano Safra 2020/2021.