Bastidores

No Hora H, Bia Kicis diz que novo ministro precisa “ouvir o capitão”

16 de abril de 2020 às 19h47
Bia Kicis, aliada de Bolsonaro na Câmara Federal (Foto: Sérgio Lima/PODER 360)

Deputada federal do Distrito Federal e uma das mais emblemáticas apoiadoras de Jair Bolsonaro, Bia Kicis defendeu o presidente pela decisão de demitir o ministro Henrique Mandetta (DEM) da Saúde.

Em entrevista ao Hora H, programa da Rede Mais, Bia disse não ver problemas na troca de ministro em plena pandemia do coronavírus:

“Os britânicos trocaram de primeiro ministro no meio da guerra e ganharam a guerra. Fiquem tranquilos”.

A deputada enfatizou que a relação entre presidente e subordinado ficou insustentável. “Faltava gestão. A gente nunca teve acesso a quantas pessoas foram recuperadas”, criticou.

Bia confia na atuação do oncologista Nelson Teich, novo ministro da pasta. “Além de técnico ele é gestor, tem muita experiência”, registrou.

A bolsonarista espera que o novo titular da Saúde faça um trabalho “sem tanta emoção, mas pautado em ciência e estudos e sempre ouvindo o comandante”.

O capitão Jair Bolsonaro!

Vídeo

Heron Cid no Hora H: soltura de Queiroz também liberta Planalto


Mal cheirosa

Dona Candinha sobre o barulho resistência de setores governistas ao nome de Ricardo Feder para o MEC:

"Vai Feder!"
PONTO DE INTERROGAÇÃO
E se não for Tovar e nem Bruno em Campina Grande, pelo bloco de Romero?
NÚMERO

1.229

Número de mortos pela covid-19 na Paraíba, segundo boletim da Secretaria de Saúde do Estado (sexta-feira, 10.07.2020)