Opinião

Diego, Daniella e Socorro, a comissão de frente do PV

14 de fevereiro de 2020 às 16h53 Por Heron Cid
Escalado pelo Partido Verde, trio tocará samba enredo de Luciano Cartaxo para 2020

O Partido Verde não quer passar o carnaval em branco, em João Pessoa. Antes dele, botou mais 200 foliões para desfiliar na avenida até as definições.

O anúncio hoje de novas filiações faz parte do samba-enredo ensaiado por Luciano Cartaxo desde o princípio do ano.

Ele quer que sua arquibancada chegue em março com a letra de 2020 na ponta da língua e com o destaque pronto para o júri do eleitor pessoense.

A inserção das secretárias Daniella Bandeira e Socorro Gadelha na bateria desse debate dá novo ritmo, e se soma à melodia que já tinha Diego Tavares nos acordes dos quadros.

Agora, oficialmente, o PV tem na comissão de frente as três opções mais referendadas por Luciano Cartaxo.

E o recado está claro: desse trio sai quem vai tocar a candidatura do grupo do prefeito quando soarem os tambores das convenções.

Esse cenário já não é mais fantasia. Virou alegoria.

Vídeo

Heron Cid no Hora H: “Pai, mãe e filha, uma família devastada pela pandemia”


Mal cheirosa

Dona Candinha sobre o barulho resistência de setores governistas ao nome de Ricardo Feder para o MEC:

"Vai Feder!"
PONTO DE INTERROGAÇÃO
E se não for Tovar e nem Bruno em Campina Grande, pelo bloco de Romero?
NÚMERO

R$ 798 milhões

Valor total do pacote de obras anunciado pelo governador João Azevêdo para retomada da Paraíba.