Bastidores

Liberdade de Ricardo agora nas mãos da Sexta Turma do STJ

13 de fevereiro de 2020 às 19h32
Ricardo Coutinho, durante audiência de custódia

Julgamento de recurso do MPF pela prisão do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) já tem dia e local marcado. Será na próxima terça-feira na Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça. A decisão é da relatora da Operação Calvário no Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministra Laurita Vaz.

Coutinho é acusado pelo MPF de chefiar organização criminosa responsável por desvios superiores a R$ 134 milhões na Saúde e Educação.

Ele foi preso no dia 19 de dezembro do ano passado na sétima fase da Operação Calvário, mas a prisão acabou revogada por habeas corpus concedido pelo ministro do STJ, Napoleão Maia.

Vídeo

Meu comentário na Hora H: “Um dia é do ‘réu’, outro do relator”


Foliando

Dona Candinha sobre a determinação do uso de tornozeleira eletrônica para investigados na Operação Calvário:

"Isso é que é pular carnaval com um pé só!"
PONTO DE INTERROGAÇÃO
Qual será o despacho do desembargador Ricardo Vital, a quem cabe a tarefa de adaptar as medidas cautelares contra Ricardo Coutinho?
NÚMERO

1

Assassinato por hora no Ceará, depois do motim dos policiais militares.