Bastidores

Decisão do TCE exuma denúncias contra OS’s e ressuscita fantasmas

24 de janeiro de 2020 às 16h39

Os processos e julgamentos em relação às organizações sociais, denunciadas pelo Gaeco-MP, serão exumados pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Como revelado agora à tarde pelo Portal MaisPB, a Corte determinou o desarquivamento, instrução e julgamento de processos relativos à contratação de Organizações Sociais durante a gestão do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB).

Na prática, o que já foi julgado será retirado do arquivo morto para apurar as vivas suspeitas.

A justificativa? “As recentes divulgações de fatos decorrentes da denominada “Operação Calvário”, com revelações de, em tese, crimes que teriam ocorrido e envolvido fatos sob jurisdição da Corte de Contas.

O despacho da presidência, via resolução administrativa, só não diz uma coisa importante: integrantes do Tribunal são suspeitos de colaborar com os tais crimes.

Por ação ou omissão.

Vídeo

Veja meu comentário na Hora H: “Queda de receita desafia contas públicas e economia”


A inversão…

Dona Candinha e a sentença da quarentena:

"A gente preso e os presos soltos!"
PONTO DE INTERROGAÇÃO
Na roleta russa lançada, quem vai arriscar sair de casa?
NÚMERO

114 mortos

Número de pacientes mortos pela covid-19 no Brasil, nas últimas 24 horas, segundo boletim do Ministério da Saúde.