Bastidores

Uma pedra no caminho de Zezinho

6 de janeiro de 2020 às 19h46
Ex-vereador Renato Martins

O suplente de vereador Zezinho do Botafogo (PSB) se prepara para assumir a qualquer vaga na Câmara de João Pessoa deixada pelo titular Tibério Limeira (PSB), licenciado para a Secretaria de Desenvolvimento Humano do Estado. A Casa apenas aguarda a publicação da exoneração do dirigente esportivo do Detran-PB.

Mas se depender do segundo suplente, Renato Martins, ex-vereador, Botafogo não entra em campo. Renato considera que Zezinho é inapto para esta etapa do jogo no Legislativo pessoense.

O Blog interrogou: por que?

Resposta de Renato:

– Zezinho é um dos dirigentes de clubes que não prestaram contas dos recursos recebidos do Gol de Placa, irregularidade objeto da Operação Cartola, do Ministério Público.

Receber recurso público sem prestar contas está inabilitado ao exercício de função pública, acredita Martins.

Renato acha que Zezinho ficou impedido na cara do gol. Vai pedir o VAR?

Vídeo

Meu comentário na Hora H: “Coronavírus lá fora e o efeito dentro da gente”


Os próximos 9 meses

Assanhada, Dona Candinha diz que nem tudo é privação e saiu-se com essa:

"Vêm aí os filhos da quarentena!"
PONTO DE INTERROGAÇÃO
Na roleta russa lançada, quem vai arriscar sair de casa?
NÚMERO

240 mortes

Levantamento os casos do Brasil no último boletim divulgado pelo Ministério da Saúde, na noite desta quarta-feira.