Bastidores

João cobra memória de Ricardo, antes e depois

3 de dezembro de 2019 às 17h58

O governador João Azevêdo questionou, hoje, a diferença de discurso do Ricardo Coutinho de 2018 e Ricardo Coutinho de 2019: “Como eu era o secretário como ele [Ricardo Coutinho] anunciado como primeiro-ministro, homem de confiança e agora eu não toco nenhuma obra. É preciso ter respeito pelas memórias das pessoas. São dois discursos incompatíveis”. Devolveu a bola para Ricardo Coutinho explicar a metamorfose.

Vídeo

Não ouviu? Ouça e reveja programa Hora H desta sexta (17.01.2020)


Novo calendário

Se um dia for parlamentar, Dona Candinha já tem em mente um projeto de lei para instituir um dia de uma categoria em evidência na Paraíba:

"Dia do delator!"
PONTO DE INTERROGAÇÃO
O pedido de CPI das OS, anunciado pela oposição, vai incluir deputados citados em delações?
NÚMERO

R$ 3 milhões

Investimento do Grupo Drumattos, em nova unidade do Camarada Camarão, a ser inaugurada em João Pessoa, com previsão de 80 empregos.