Bastidores

Lígia no comando do barco

18 de novembro de 2019 às 13h49

Voltar ao exercício do cargo de governadora para Lígia Feliciano (PDT) tem simbologia e sabores diferenciados.

Um ano depois do tenso e agitado 2018, quando foi testada nos nervos e na habilidade, ela reassume interinamente o governo da Paraíba, durante viagem do governador João Azevêdo.

Lígia contrariou toda a lógica política paraibana ao passar por intensa provação e fazer uma dura travessia sem romper com seu grupo político, apesar de toda a conhecida tempestade à época.

Um controle emocional e uma frieza estratégica que lhe rendeu o improvável, a renovação de seu passe na vice de João.

Quando todos achavam que ela e seu clã haviam errado por não romper e fazer o presumido movimento para a oposição, João, o seu escolhido, venceu a eleição no primeiro turno.

De volta ao governo nessa passagem de cargo, Lígia ocupa cada minuto do espaço. Cumpre seu papel institucional, mas com a consciência que cada oportunidade é única.

Foi a soma de cada uma delas aproveitada que a levou mais uma vez à cabine do barco. Com direito a pegar no leme.

Vídeo

Comentário na Hora H: “A triplicação e a hora de a Paraíba testar prestígio”


Novo calendário

Se um dia for parlamentar, Dona Candinha já tem em mente um projeto de lei para instituir um dia de uma categoria em evidência na Paraíba:

"Dia do delator!"
PONTO DE INTERROGAÇÃO
O pedido de CPI das OS, anunciado pela oposição, vai incluir deputados citados em delações?
NÚMERO

R$ 3 milhões

Investimento do Grupo Drumattos, em nova unidade do Camarada Camarão, a ser inaugurada em João Pessoa, com previsão de 80 empregos.