Bastidores

Primeiro (e óbvio) beneficiado pela decisão do STF, Lula agora está livre!

8 de novembro de 2019 às 16h34
O ex-presidente Lula, em Curitiba (PR), de onde sairá a qualquer momento - Rodolfo Buhrer - 2.mar.19/Reuters

O ex-presidente Lula, preso há 580 dias por condenação no caso do tríplex do Guarajá, desdobramento da Operação Lava Jato, pode ser solto a qualquer momento. O juiz federal Danilo Pereira Jr, da 12ª Vara Federal de Curitiba, atendeu ao pedido da defesa do ex-presidente e determinou nesta sexta-feira, 8, que ele seja solto. Com a decisão da magistrado, Lula deixará a Superintendência da Polícia Federal em Curitiba após 580 dias preso. A pena total de Lula foi de 8 anos, 10 meses e 20 dias de prisão pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ). Com a nova interpretação do STF, contra a prisão já em segunda instância, o ex-presidente é o primeiro e óbvio beneficiado.

Vídeo

Pelos vivos e pelos mortos, uma trégua: vídeo-comentário de Heron Cid na Hora H


Fedeu

Dona Candinha sussurrou baixinho pelo telefone o que fez tão logo terminou de assistir as cenas e palavreado da reunião ministerial de Bolsonaro:

"Dei descarga!"
PONTO DE INTERROGAÇÃO
Quem é o adversário hoje com chance de competir com o presidente Jair Bolsonaro?
NÚMERO

5.838

Casos confirmados da covid-19 na Paraíba, segundo boletim desta quarta-feira (20), divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde.