Bastidores

Superada uma barreira maior do que a do Cabo Branco

7 de novembro de 2019 às 10h19
Prefeito atrai para o mesmo ambiente deputados de matrizes diferentes: obstáculo tão grande quanto a erosão da falésia

Em Brasília, o prefeito Luciano Cartaxo (PV) juntou gregos e troianos em torno do projeto da preservação da “Barreira do Cabo Branco”, falésia e ponto turístico de João Pessoa que passa por décadas de erosão.

Na mesma foto, reuniu o ministro Gustavo Canuto (Desenvolvimento Regional) e uma plural composição da bancada federal. Teve de Julian Lemos (PSL) a Gervásio Maia (PSB).

Atraídos pelo chamado de Luciano, todos referendaram a intervenção como prioridade da capital paraibana,

Com o reforço da bancada, Cartaxo saiu do encontro com a promessa do ministro de levar o projeto ao presidente Jair Bolsonaro para liberação de recursos.

A Prefeitura já fez sua primeira parte. Iniciou, com recursos próprios, a drenagem da área. As próximas etapas são o enroncamento (colocação de pedras no sopé da Barreira) e a construção de gabiões marinhos para diminuir a intensidade das ondas no local.

O prefeito se prepara para superar o desafio da erosão, mas na foto já ultrapassou uma grande barreira paraibana: unir apoios de rivais para a mesma causa. Coisa pouco comum na natureza política paraibana.

Vídeo

Meu comentário na Hora H: “Carnaval abre folia eleitoral de 2020”


Canonização

Dona Candinha sobre o encontro do ex-presidente Lula e Francisco, no Vaticano:

"Um santo e o Papa!"
PONTO DE INTERROGAÇÃO
Se João Azevêdo e Luciano Cartaxo se entenderem, tem segundo turno em João Pessoa?
NÚMERO

200 mil

Estimativa de público, durante as cinco noites da Festa da Luz, realizada no Parque do Poeta Ronaldo Cunha Lima, em Guarabira.