Bastidores

Xeque-Mate: Catão defende investigação; “Não perco um minuto de sono”

22 de maio de 2019 às 10h21

O conselheiro do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB), Fernando Catão, não perdeu e nem perderá um minuto de sono pela investigação que suspeita de ação indevida da parte dele contra a construção do Shopping Intermares e em favor do empresário Roberto Santiago. Na sessão de hoje, horas depois das buscas e apreensões em seus endereços, Catão ressaltou a legalidade dos seus atos no processo. “Em que pese o desconforto da medida, não me traz nenhuma estranheza, estamos em um estado de direito, onde todos os cidadãos estão no regime da lei e notadamente os agentes públicos. Vejo com naturalidade. Ninguém mais do que eu quer o aprofundamento da investigação sobre o caso do shopping, porque tenho a consciência plena, tranquila e absoluta que agir dentro da legalidade, cumprindo todos os prazos do Tribunal e seguindo o parecer ministerial (Ministério Público de Contas) quando foi imputada a cautelar suspendendo e a auditoria quando foi pedido a suspensão da cautelar. Tenho consciência tranquila. A não construção daquele shopping em nenhum momento sofreu qualquer interferência por parte desse Tribunal. Agir dentro dentro da minha competência. Não perdi um minuto de sono e não perderei a respeito desse assunto”, arrematou.

Veja os pronunciamentos de Catão e demais conselheiros:

Vídeo

Entrevista: Anísio, da “roça” da suplência à “produção” da Assembleia


É pra se benzer

Dona Candinha sobre a pesada entrevista do general e ex-secretário de Governo, para quem o Planalto se enrola num festival de besteiras:

"Santos, Cruz Credo!"

PONTO DE INTERROGAÇÃO
Com deputado federal, senadora e vice-prefeito, o PP vai se contentar apenas com a vice na chapa apoiada por Romero em Campina Grande?
NÚMERO

361%

Crescimento da produção parlamentar da Assembleia Legislativa da Paraíba, em comparação ao mesmo período do ano passado.