Bastidores

Xeque-mate: confissão de Leto abre cela de Jacqueline

30 de abril de 2019 às 18h08
Jacqueline Monteiro e Leto Viana

No relatório final da Operação Xeque-Mate, a Polícia Federal opina, como providências, pela revogação da prisão preventiva de Jacqueline Monteiro, ex-vereadora, ex-primeira-dama e mulher do ex-prefeito Leto Viana. Em contrapartida, a prisão pode ser convertida pelas medidas cautelares previstas no art. 319, I e II, do Código de Processo Penal. Na justificativa, a PF considera desnecessária, sob o ponto de vista cautelar, a manutenção da segregação de liberdade, depois do depoimento em que o marido confirma o desvio de recursos de salários de servidores com a participação da esposa. Agora, advogados devem requerer o benefício…

Vídeo

Vídeo: Heron Cid frente a frente com Heron Cid


Toffolada

Dona Candinha sobre a última do presidente do Supremo no Caso Flávio Bolsonaro:

"Ele é um de Dias, e outro de noite!"

PONTO DE INTERROGAÇÃO
Ainda tem político no Brasil que se sinta confortável e seguro de trocar mensagens via aplicativos?
NÚMERO

1.500

Previsão de geração de empregos com a criação do HELP – Hospital de Ensino, Pesquisa e Laboratório – da Unifacisa, em Campina Grande.