Brasas

Caso GEO: sem tréplicas

29 de abril de 2019 às 11h32

Renan Paes Félix, procurador da República com atuação no Rio Grande do Norte, não vai mais falar sobre os desdobramentos da sua postagem levantando questionamentos e falhas sobre a investigação que culminou com a condenação do seu irmão, Rayanderson, no Caso GEO. Não tem intenção de afrontar Judiciário e Ministério Público .O papel que lhe cabia foi feito. Agora, cada um tire suas conclusões…

Vídeo

Meu comentário na Hora H: “2020 ditará quem liderará a oposição para 2022 na Paraíba”


Quem tem ouvidos, ouça!

Lula colocou dois aparelhos auditivos e Dona Candinha comentou:

"Ouvirá melhor o Brasil!"
PONTO DE INTERROGAÇÃO
Quem pode ir para Secretaria de Chefia de Governo, ocupada interinamente?
NÚMERO

5%

Aumento linear para os servidores anunciado pelo Governo da Paraíba, o maior do país até agora,  segundo levantamento do Conselho dos Secretários de Planejamento e da Gestão Estratégica das Finanças.