Brasas

Lígia, o PDT a e previdência

16 de abril de 2019 às 17h29

Ao lado do presidente nacional do PDT, em Brasília, a vice-governadora Lígia Feliciano (PDT) afinou o discurso contra a reforma da Previdência. “Somos contrários a uma proposta como esta, pois dará ao país uma legião de idosos sem recursos para o sustento e aos direitos mais básicos”, assinalou a vice-governadora”, disse. Ela se refere ao Benefício de Prestação Continuada (BPC). Pela proposta do governo, somente os maiores de 70 anos em condição de miserabilidade terão direito ao benefício no valor atual de um salário mínimo (R$ 998,00). Os idosos com idades entre 60 e 69 anos passarão a receber apenas R$ 400,00.

Vídeo

Entre o achômetro e a Medicina; vídeo-comentário no Hora H


Antirábicos

O Ministério Dona Candinha adverte: Brasil tem uma campanha urgente de vacinação a fazer;

"Contra a Raiva! Em humanos..."
PONTO DE INTERROGAÇÃO
Quem são os integrantes do tal “gabinete do ódio” na Paraíba?
NÚMERO

468.338

Casos confirmados da covid-19 no Brasil, até o boletim da sexta-feira (29).