Bastidores

Seguro anticorrupção: projeto quer prevenir prejuízos e atrasos em obras

20 de março de 2018 às 11h33
Bruno Farias, vereador do PPS; defende modelo americano para João Pessoa

“Seguro Anticorrupção”. Este é o título de projeto do vereador Bruno Farias (PPS) importado de modelo implantado nos Estados Unidos para evitar desvios em licitações, em João Pessoa.

Pela proposta, toda obra pública terá de ser segurada por uma empresa privada, como ocorre nos EUA. “Esperamos assim, diminuir drasticamente superfaturamentos, atrasos e a corrupção”, diz o parlamentar.

Em caso de problema na obra, é esse seguro que cobre os custos, e não mais o dinheiro do pagador de impostos.

Além da empreiteira e do poder público, entra em cena um terceiro elemento: a seguradora, diretamente interessada na entrega definitiva da obra, lutando para que não haja superfaturamento ou qualquer tipo de corrupção.

Uma interessante medida preventiva, que vale ser debatida. Em João Pessoa, nos municípios e no Estado.

Vídeo

Vídeo: Heron Cid frente a frente com Heron Cid


Sai mais em conta

Dona Candinha aprovou o convite de Bolsonaro ao filho, Eduardo, na embaixador dos Estados Unidos e até torce para nomeação dos outros dois ‘garotos’ do presidente em novas embaixadas:

"Três problemas a menos!"

PONTO DE INTERROGAÇÃO
Ainda tem político no Brasil que se sinta confortável e seguro de trocar mensagens via aplicativos?
NÚMERO

0,9%

Crescimento da inadimplência no primeiro semestre de 2019, segundo pesquisa feita pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil). Esta, no entanto, é a segunda menor variação desde 2012, quando a inadimplência cresceu 5,8% no primeiro semestre daquele ano.