Bastidores

Vídeo-opinião: eleição antecipada, remédio ou veneno?

12 de dezembro de 2018 às 17h47

Pelo menos três câmaras municipais paraibanas vivem problemas por conta da tal eleição antecipada das mesas diretoras, uma jabuticaba criada por essas como solução legislativa para problemas de desconfianças políticas.

Cabedelo, Bayeux e Sapé são exemplos.

A Assembleia Legislativa da Paraíba, que usou essa fórmula em 2015, debate internamente qual melhor caminho para 2019.

Não pode esquecer que o que foi remédio também pode virar veneno. E ninguém, nem ela, está isenta desses efeitos colaterais.

Cabedelo, Bayeux e Sapé estão aí para provar.

Confira o comentário em vídeo gravado na MaisTV, canal de vídeo do Portal MaisPB:

Vídeo

Vídeo: a soltura de Temer; Direito versus impunidade


Déjà vu

Na hora que soube da prisão de Temer, Dona Candinha lembrou logo de uma frase profética de Dilma:

"Eu quero saudar a mandioca!"

PONTO DE INTERROGAÇÃO
O grupo de Luciano Cartaxo ainda mira algum projeto de poder estadual no futuro e qual?
NÚMERO

Dois

Hotéis que se preparam para aportar em Cabedelo, cidade privilegiada pela beleza de sua orla marítima, mas ainda sem exploração turística proporcional ao seu potencial.