Brasas

Rasteira

30 de novembro de 2018 às 20h06

Antes de apresentar a manobra que pretende garantir seu nome na Presidência da Câmara e a posse na Prefeitura de Cabedelo, a partir de janeiro, a presidente Geusa Ribeiro (PRP) chegou a fazer um acordo com o prefeito interino, Vítor Hugo (PRB). No combinado, mediado por um deputado, ela se manteria presidente e apoiaria Vítor. Um dia depois, deu a facada.

Vídeo

Vídeo-comentário: Ricardo vai tomar café quente até o fim


Esperança

Ao ler a lista do anúncio dos mesmos secretários no futuro governo da Paraíba, Dona Candinha não se aguentou:

"Agora é esperar que, pelo menos, João troque o governador!"

PONTO DE INTERROGAÇÃO
Sem anúncio para a Segurança, Claudio Lima – no cargo há oito anos – fica ou, finalmente, despede-se?
NÚMERO

7

Número da apertada diferença de votos entre George Coelho (67) e Dudu Martins (60), na eleição da Famup.