Brasas

O recado de Patos

9 de outubro de 2018 às 17h41

Em Patos, o eleitor deu um sintoma de cansaço com a política tradicional local. O deputado estadual Nabor Wanderley (PRB), que em 2014 havia contabilizado 20 mil votos, caiu para 12.200. Hugo Motta (PRB), deputado federal, baixou a votação de 30 mil para pouco mais de 12 mil.

Gustavo Wanderley (PV) amargou pífios 4.111 mil votos. Bem longe dos 15 votos alcançados pelo irmão, em 2014, o prefeito afastado Dinaldinho Wanderley (PSDB).

Em contrapartida, Doutor Érico (PPS), um novato, arrebatou 14.626 dos da sua votação total de 20 mil votos. Saiu praticamente eleito da cidade.

Vídeo

Secretário de Segurança da PB vê “muita coisa boa” no Plano de Moro


Terapia federal

No auge da sua experiência, Dona Candinha já sabe o que o Governo Bolsonaro mais precisa nesse momento:

"Divã!"

PONTO DE INTERROGAÇÃO
Com quantos deputados a oposição realmente conta na Assembleia?
NÚMERO

65 e 62

Idades mínimas para aposentadoria de homens e mulheres, respectivamente, constante da proposta do Governo Federal para a reforma da Previdência.