Bastidores

Operação Efeito Dominó: o que “Ceará” fazia na Paraíba?

15 de maio de 2018 às 10h14
Operação Efeito Dominó prendeu suspeitos em várias cidades; João Pessoa entrou na lista

Carlos Alexandre de Sousa, conhecido com Ceará, foi preso, pela Polícia Federal, manhã desta terça-feira (15), em João Pessoa. Aliado do doleiro Alberto Youssef, o estopim da Operação Lava Jato, e delator de políticos como Fernando Collor de Mello, Aécio Neves, Renan Calheiros e Randolfe Rodrigues, ele foi alvo da Operação Dominó contra a lavagem de dinheiro e o tráfico internacional de drogas. Daqui a pouco, uma entrevista coletiva está marcada da Polícia Federal em Curitiba. Uma boa e curiosa pergunta: o que “Ceará” fazia na Paraíba?

Vídeo

Vídeoentrevista: Jeová precisou vencer câncer, antes de ganhar eleição


Metando

Dona Candinha jura que Dilma deu um conselho a Fernando Haddad, nessa reta final de segundo turno:

"Deixa a meta aberta e depois dobra a meta!"

PONTO DE INTERROGAÇÃO
Crítico contumaz do PT e voz ativa no impeachment, Cássio Cunha Lima ficará em silêncio no segundo turno?
NÚMERO

R$ 6,7 milhões

Valores de recursos aprovados pelo BNDES para projetos de recargas de veículos elétricos.