Bastidores

Veneziano ignora críticas do PT: “Não vou amiudar”

16 de abril de 2018 às 16h44
Veneziano Vital, candidato ao Senado

O deputado federal Veneziano Vital (PSB) não quis entrar no debate puxado pelo PT que, além de acusar o parlamentar de golpista, avisou o PSB da indisposição em votar numa chapa com a presença de personalidades responsáveis pelo impeachment da ex-presidente Dilma Rouseff.

“Eu não sou intolerante. Não vou amiudar”, sentenciou Veneziano, passando em rosto dos petistas os seus votos em Lula e Dilma e a participação da sigla em seus dois governos na Prefeitura de Campina Grande.

Veneziano não quis dar moral ao partido. Até porque sabe que – a esta altura – o PT pode fazer pouco ou quase nada contra ele. Nem a favor.

Vídeo

Entrevista MaisTV – João Azevedo: “Eu não serei pau mandado de ninguém”


Teste de nervos

De olho no temperamento dos nossos candidatos, Dona Candinha chegou a conclusão que o próximo presidente do Brasil não precisa entender muito de economia.

"Basta contar até dez...!"

PONTO DE INTERROGAÇÃO
Se der Haddad e Bolsonaro no segundo turno, com quem o PSDB vota?
NÚMERO

R$ 827 bilhões

Volume de dívidas dos estados. Rio de Janeiro é o pior quadro com R$ 127 bilhões de débitos públicos.