Bastidores

Seguro anticorrupção: projeto quer prevenir prejuízos e atrasos em obras

20 de março de 2018 às 11h33
Bruno Farias, vereador do PPS; defende modelo americano para João Pessoa

“Seguro Anticorrupção”. Este é o título de projeto do vereador Bruno Farias (PPS) importado de modelo implantado nos Estados Unidos para evitar desvios em licitações, em João Pessoa.

Pela proposta, toda obra pública terá de ser segurada por uma empresa privada, como ocorre nos EUA. “Esperamos assim, diminuir drasticamente superfaturamentos, atrasos e a corrupção”, diz o parlamentar.

Em caso de problema na obra, é esse seguro que cobre os custos, e não mais o dinheiro do pagador de impostos.

Além da empreiteira e do poder público, entra em cena um terceiro elemento: a seguradora, diretamente interessada na entrega definitiva da obra, lutando para que não haja superfaturamento ou qualquer tipo de corrupção.

Uma interessante medida preventiva, que vale ser debatida. Em João Pessoa, nos municípios e no Estado.

Vídeo

Vídeo-opinião: MDA mostra: Lula tem energia, mas não será fácil acender poste


Extinção de periferia

Dona Candinha disse a Neta que se  Geraldo Alckmin vencer a eleição, o Brasil deixará de ter bairros. A sobrinha inventou de perguntar a razão e ouviu a seguinte resposta:

"Só vai ter Centrão!!!"

PONTO DE INTERROGAÇÃO
Qual será a próxima prefeitura ‘alertada’ pelo Tribunal de Contas do Estado?
NÚMERO

33%

Aumento no número de servidores temporários, contratados pela Prefeitura de Campina Grande, no primeiro semestre de 2018, de acordo com alerta emitido pelo Tribunal de Contas do Estado.