Bastidores

O ato pró-Lula e a originalidade de Tião

16 de março de 2017 às 09h05

O deputado estadual Tião Gomes (PSL) não tem papas na língua. Está incomodado, por exemplo, com a cerimônia que se faz para tentar despistar o engajamento político do Governo no ato pró-Lula, neste domingo, em Monteiro.

“Eu mesmo vou levar ônibus da minha região com muita gente. Qual é o problema nisso?”, interroga o destemido parlamentar.

Assim como Tião, outros deputados estão mobilizando caravanas de todo o Estado para superlotar o evento que marcará o início da pré-campanha do ex-presidente Lula da Silva à Presidência.

Vídeo

Vídeo: ridicularização de Damares não é política; deboche é religioso


Então é Natal

Dona Candinha descobriu o que todo político brasileiro tem, independente de partidos e da época do ano:

"Amigo secreto!"

PONTO DE INTERROGAÇÃO
O que está faltando para João Azevedo anunciar o pouco que resta em aberto do secretariado?
NÚMERO

61,7 milhões

Produção de café em 2018, a maior já registrada na série histórico, segundo levantamento divulgado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).